Buscar
  • Gaby Beraldo

Por que a roupa importa?


Existe um motivo pelo qual você ouve dizer, não só aqui, que a imagem vale mil palavras e que a sua aparência conta bastante na primeira impressão que os outros têm de você. É uma simples questão de função cerebral.

Segundo Lynne Franklin, presidente do TED Talk Illinois, as pessoas são divididas em observadores, ouvintes e tácteis. Os observadores, 75% da população, são aqueles com memória visual, que falam olhando no olho e que buscam referências físicas ou estéticas para pensamentos, ideias e mensagens. Por isso, a forma como você se veste e como interage faz com que você seja percebida - positiva ou negativamente.

Se a sua aparência não estiver de acordo com o que você diz, o cérebro da outra pessoa registra a imagem e não a palavra, pois o órgão foi condicionado a não absorver informações conflitantes e a economizar energia: logo, a imagem - ou o "retrato" que ele vê naquele momento, passa a ser o registro de você.

Seu gestual também tem efeito sobre o subconsciente do seu interlocutor: a forma como você se põe de pé, o movimento das suas mãos quando fala e suas expressões faciais também imprimem registros visuais no cérebro das outras pessoas.

Se você estiver se sentindo desconfortável com a sua roupa, a impressão pode ser de insegurança; se o caimento do que você veste não está adequado a seu corpo, você pode ser percebida como desleixada, anti profissional, incompetente...já se suas roupas estiverem muito justas, pode parecer que você quer atrair a atenção para si mesma e não para suas ideias.

Por isso, é tão importante entender o efeito da imagem pessoal em todas as áreas da nossa vida.


14 visualizações